Quais as diferenças entre correr e caminhar?

correr-caminhar

É inegável que praticar atividade física faz bem para a saúde. Em uma época em que o sedentarismo predomina, a prática de exercícios físicos é fundamental para que o indivíduo mantenha a saúde e fique em forma. Hoje vamos falar sobre duas atividades que têm sido a opção de pessoas que querem não apenas fugir do sedentarismo e ficar em forma, mas também de quem acredita que a saúde vem em primeiro lugar.

Ambas as atividades são excelentes escolhas! A verdade é que não há um melhor que o outro. Para cada pessoa e cada situação, caminhar e correr desempenham funções específicas e para ajudá-lo, trouxemos informações que serão úteis na hora de escolher entre a caminhada e a corrida.

Optando por uma boa caminhada

Além de ser um exercício simples, a caminhada é barata, pode ser feita em qualquer hora do dia e não tem restrição de idade. Para quem está sedentário é uma excelente alternativa para ter uma vida ativa.

Pode ser feita em uma esteira em casa ou ao ar livre. Essa prática aumenta o condicionamento físico, controla a pressão, o diabetes, protege contra a demência e ainda ajuda a emagrecer. Além disso, contribui para o aumento de qualidade de vida do praticante.

Abaixo, veja alguns dos principais benefícios da caminhada:

  •          Previne e combate a osteoporose;
  •          Afasta a depressão;
  •          Melhora o sistema cardiovascular;
  •          Melhora o sistema imunológico;
  •          Diminui a sonolência;
  •          Ajuda a manter o peso;
  •          Protege contra derrames e infartos;

Para pessoas que gostam de movimento a caminhada pode ser uma atividade monótona. Sendo assim, optar pela corrida é melhor, principalmente se a pessoa deseja emagrecer.

Quando começar a correr

Correr faz bem, mas a prática não deve ser feita subidamente por sedentários. Neste caso a caminhada é recomendada até que a pessoa tenha um condicionamento físico mínimo. Se a pessoa sair correndo totalmente despreparada, não vai conseguir ir muito longe e ainda corre o risco de ter complicações de saúde.

Os especialistas recomendam que antes de começar a correr seja feita uma avaliação física. Uma consulta com cardiologista também é importante e, mesmo que a intenção seja a prática da corrida, o mais correto é começar com a caminhada para só depois passar para a corrida.

Benefícios da corrida

Assim como a caminhada, a corrida trabalha o sistema cardiorrespiratório e aumentam a capacidade pulmonar. Porém, a corrida leva vantagem quando o objetivo é emagrecer, pois ela gasta mais calorias. Veja abaixo mais alguns benefícios que a corrida oferece:

  1.     Fortalece o sistema imunológico, pois aumenta a produção de macrófagos que são células que destroem bactérias e vírus;
  2.     Deixa o coração mais resistente, pois melhora o fluxo sanguíneo nas artérias, além de melhorar a capacidade de contração do músculo cardíaco;
  3.     Melhora a memória e o sono;
  4.     Previne contra a aterosclerose, que é o estreitamento dos vasos sanguíneos;
  5.     Aumenta a disposição;
  6.     Ajuda a controlar os níveis de colesterol;
  7.     Contribui para a queima de gordura;

Apesar da corrida e da caminhada serem os exercícios mais recomendados por médicos e educadores físicos, é preciso ficar de olho antes de iniciar. Ambos possuem muitos benefícios, mas é importante saber qual atividade se encaixa melhor nas suas condições e até mesmo o gosto pessoal deve ser levado em consideração.

Algumas pessoas podem optar pela corrida, mas não estarem preparadas para a atividade. Por isso é tão importante fazer antes uma avaliação médica e evitar problemas futuros.

Qual você prefere, corrida ou caminhada? Conte para a gente nos comentários!

About the author

Felipe Salgado