Dores musculares: como tratar?

dores-musculares

É normal sentir dor após uma corrida, mas existem maneiras para minimizá-las. As dores musculares são consequências do exercício físico e na maioria das vezes são leves, surgindo após um treino (ou durante ele) e durando não mais do que um a dois dias. Porém, pode ocorrer dor intensa e quando isto acontece quase sempre é postergada, ou seja, surge pela manhã após o treino e dura em média de três a quatro dias.

Conhecida como “dor muscular de início retardado” ou “dor muscular tardia”, este tipo de dor é mais raro e ocorre após treinamentos longos ou intensos.  Naturalmente, a definição de treino longo ou intenso se difere de corredor para corredor. Para os iniciantes e para aqueles que estão retornando à corrida após um tempo de folga, praticamente qualquer treino será longo e intenso e poderá ocasionar dores musculares com maior frequência.

No entanto, existem maneiras de amenizar essas dores tardias para evitar uma possível lesão muscular. Exercitar-se com frequência, programar o corpo para a corrida pela manhã e alongar devidamente evita desconfortos físicos.

Reforce seu treino lentamente. Após a primeira corrida, dê uma folga de um dia e quando retomar, não corra mais que 20 minutos do que correu anteriormente. Resista à tentação de sobrecarregar o seu treino. Todo progresso deve ser feito com atenção de modo que o treino de hoje seja um pouco mais difícil do que o anterior e não exagerado.

Ainda assim, caso sinta dor, existem meios alternativos para aliviar as dores musculares instantaneamente como tratamentos caseiros, massagens, compressas e alimentos que auxiliam no alívio da dor.

Tratamentos Caseiros

Banho de sais

Colocar um copo ou dois de sais de banho compostos por sulfato de magnésio dissolvido em uma banheira de água quente pode faze maravilhas para dores musculares. Fique de molho por uns 15 minutos ou até que a água tenha esfriado. Faça isto três vezes por semana.

Banho quente

Um banho ou uma ducha quente também irá relaxar o músculo, diminuindo a tensão e reduzindo o inchaço e a dor.

Vinagre de maçã

Misture uma colher de sopa ou duas em um copo de água e beba. Ou, se preferir, misture duas colheres  de vinagre de maçã, uma colher de chá de mel, um raminho de hortelã fresca e um pouco de água fria e beba.

Existe dúvidas entre os corredores para alguns procedimentos. Veja abaixo algumas das perguntas mais comuns:

Fazer massagem diminui a dor muscular?

Sim. A massagem ajuda a estimular a circulação do sangue. Se feita com óleos, irá auxiliar no alívio da dor.

Quais são os alimentos indicados para dores musculares?

Existem alimentos que são como anti-inflamatórios naturais e que devem estar presentes na alimentação: cebola, alecrim, melancia, uvas roxas, acerola, erva-mate (podendo também ser o chá) e abacate.

Fazer compressas ajuda a diminuir a dor muscular?

Sim, ao fazer uma compressa com gelo e aplica-la após a corrida você estará se prevenindo contra possíveis lesões musculares.

Existe algum chá que alivia a dor?

Sim. Existem ervas que são conhecidas por terem propriedades terapêuticas e auxiliar nas dores musculares entre elas estão: chá de louro, chá de gengibre e erva doce com canela e mostarda.

Caso as dores comecem a aparecer com muita frequência após os treinos de corrida, é possível que haja algum problema muscular que precise de tratamento médico. Fique atento para saber até que ponto a sua dor é normal: se o incômodo muscular não diminui gradativamente, é necessário verificar as causas da dor e fazer um tratamento específico.

Gostou das dicas? Acesse nosso site e fique informado sobre o assunto!

About the author

Felipe Salgado